Carta de Amor (Zenilda Lua)

São José dos Campos Junho 2011

Um poeta aluminado disse que “todas as cartas de amor são ridículas e que não seriam cartas de amor se não fossem ridículas”.

Pautada neste aceno resolvi lhe escrever. Às vezes sinto que escrever carta também é uma forma de enobrecer o outro e esta minha carta vem lhe dizer que somos todos fontes e fonte, por natureza, transborda.

Iniciada nesta pureza nativa de transbordamento é que minha alegria se renova. Mantém-se viva, cativada de planos. Inspiro-me pela certeza de tua existência. Alegro-me por ser você quem recebe minha carta. Carta simples de amor fraterno, desprovida de rimas e desobrigada de resposta.

Mesmo sem você saber tua essência visitou meus planos secretos, conduziu minha energia, avivou minha lembrança. Impulsionou uma troca valiosa que se compõe de afeto e coragem. Quem disse que escrever carta não requer coragem? Requer sim. Coragem para apresentar o amor de maneira lúdica e confessável.

Tomara que todos os teus dias sejam de bem aventurança, liberdade e paz. Que a resistência das limitações se convertam em consenso de flor. Deixo para ti todos os méritos especialmente aqueles que geram satisfação espontânea e duradoura. Haverá sempre um cheiro de bem querer na tua varanda e caminhos. O amor lhe tomará as mãos e se você deixar brincará de roda no seu coração diariamente… Deixa vai!

Beijos de conduta terna,

Zenilda Lua

Anúncios

Uma resposta to “Carta de Amor (Zenilda Lua)”

  1. Elza Aparecida Gonçalves. Says:

    Esqueci do principal, quanto aos seus florais; ” não sei o que seria hoje sem eles “, vieram na hora certa, lembra? Muito,muito obrigada!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: